O ARTBEERFEST, que este ano realiza festivais dedicados à cerveja artesanal no Porto, em Faro e em Caminha, afirma-se como uma “plataforma de visibilidade” para os cervejeiros portugueses e para promover uma troca de conhecimentos e de experiências neste setor, disse hoje à Lusa o responsável do projeto, Octávio Costa.

Ao longo de dois anos, realizam-se 16 missões a festivais no estrangeiro, em países como Polónia, Dinamarca, Itália, República Checa, Brasil e Estados Unidos, estando também prevista uma deslocação à Ásia, em particular à Coreia do Sul ou ao Japão, com o apoio da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), no âmbito do programa Compete 2020. A primeira etapa, a partir de quinta-feira, é o festival de cerveja de Varsóvia (Polónia), onde são esperados cerca de 20 mil visitantes.

Os cervejeiros portugueses vão mostrar ali a sua produção com uma degustação aberta ao público em geral e uma prova de cervejas no restaurante Portucale, de um português.

A promover festivais dedicados a este nicho de mercado desde 2013, Octávio Costa garante que o fenómeno das cervejas artesanais ainda está em expansão em Portugal. “Há três anos havia 10 projetos, hoje há 44 e há cada vez mais interesse, seja de cafés, restaurantes ou chefes de cozinha”, referiu.

A nível internacional, o mercado da cerveja artesanal “cresce brutalmente”, mas em Portugal esse aumento é mais lento, quer pelas dificuldades estruturais do país, quer pelo facto de não ser um país com forte cultura cervejeira. Algo que, para o responsável do projeto, é uma oportunidade “para criar atração com os novos produtos”.

As próximas edições do ARTBEERFEST realizam-se no Porto entre 16 e 19 de junho, em Faro no final desse mês e em Caminha em julho. Em cada evento participam 30 cervejeiros nacionais e estrangeiros, mas os pedidos já ultrapassaram os 150.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.