O crude do Mar do Norte, de referência na Europa, concluiu a sessão no International Exchange Futures a cotar 5,03 dólares acima dos 118,18 com que fechou as transações na sexta-feira.

A cotação do crude europeu moderou a sua subida durante a sessão, depois de ter rondado os 140 dólares por barril durante a primeira hora.

Os preços conheceram um aumento súbito depois de os EUA terem sugerido a possibilidade de todas as importações de petróleo russo serem vetadas, juntamente com a União Europeia, devido à invasão da Ucrânia pelos russos.

Por seu lado, diversos Estados europeus, como Alemanha, Países Baixos e Reino Unido, defenderam cautela e uma redução gradual da dependência energética em relação à Federação Russa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.