As exportações, no acumulado do ano de 2017, aumentaram para os 2.194,0 mil milhões de euros (mais 7,1% face a 2016) e as importações subiram 9,8% de 2016 para 2017, saldando-se em 1.958,0 mil milhões de euros.

Na União Europeia (UE), o excedente da balança comercial externa de bens diminuiu para os 22,9 mil ME, em 2017, na comparação com os 32,1 mil ME do ano anterior.

As exportações estabeleceram-se no 1.878,8 mil ME, mais 7,7% do que no ano anterior, e as importações aumentaram, em termos homólogos 8,6% para os 1.855,9 mil ME.

Em janeiro último, a zona euro registou um excedente de 3,3 mil milhões de euros no comércio internacional de bens, contra o défice de 1,4 mil milhões do mês homólogo de 2017.

De acordo com o gabinete de estatísticas da UE, as exportações de bens da zona euro para o resto do mundo atingiram os 178,6 mil milhões de euros (mais 9,1% do que no mês homólogo, 163,7 mil ME), enquanto as importações chegaram aos 175,4 mil ME (mais 6,5% do que os 165,0 mil ME de janeiro de 2017).

No conjunto dos 28 Estados-membros o défice do comércio internacional de bens agravou-se, em janeiro, para 20,3 mil milhões de euros, face ao de 17,4 mil ME homólogos.

As exportações da UE saldaram-se em 150,5 mil milhões de euros (mais 6,5% do que os 141,3 mil ME do mês homólogo) e as importações chegaram aos 170,8 mil milhões (uma subida de 7,6% face aos 158,7 mil ME de janeiro de 2017.

IG// ATR

Lusa/fim

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.