O Governo propõe atualizar os Impostos Especiais de Consumo (IEC) em 1%, segundo a proposta de Orçamento do Estado para 2022.

"Considerando a evolução esperada para o consumo privado e procura interna no próximo ano", o Ministério de João Leão prevê um aumento da receita em 2022, face a 2021, em 34 milhões de euros no Imposto sobre o Tabaco (+2%) e 10 milhões de euros no Imposto sobre o Álcool e as Bebidas Alcoólicas (+4%).

Também as taxas gerais do Imposto Sobre Veículos (ISV) e do Imposto Único de Circulação (IUC), serão atualizadas em 2022 à taxa de inflação.

O executivo de António Costa prevê, com esta medida, que a receita do ISV tenha uma recuperação em 2022, aumentando 29 milhões de euros face a 2021 (+6%), totalizando 481 milhões de euros.

Já no caso do IUC, conhecido como o antigo "selo do carro", o executivo prevê que a receita aumente 13 milhões de euros (+3%), quando comparada com 2021, para um total de 409,9 milhões de euros.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.