A maior multa, de 2.735.000 euros, foi para a subsidiária da Moody’s no Reino Unido, mas também sofreram sanções as que a agência de rating tem na Alemanha (340.000 euros), França (280.000 euros), Espanha (174.000) e Itália (174.000), precisou a ESMA numa declaração divulgada hoje.

No Reino Unido, critica-se sobretudo a emissão de novas classificações para entidades nas quais a subsidiária da Moody´s ultrapassou 10% da propriedade ou dos direitos de voto, é membro do conselho de administração ou do órgão de supervisão.

Também é apontado o facto de não ter reportado adequadamente os conflitos de interesse, o que aconteceu em 206 casos para 65 entidades.

Em França e na Alemanha, Itália e Espanha, a Moody’s também não divulgou adequadamente informações sobre conflitos de interesse em 72 casos para 36 entidades.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.