Em declarações à agência Lusa, o vice-presidente do Conselho Diretivo da ANMP Ribau Esteves recordou que o “acordo de compromisso” firmado com o Governo envolve um conjunto de medidas nas áreas da Educação e da Saúde.

Em 2023, tais medidas “terão um impacto financeiro significativo nas contas dos municípios”, disse Ribau Esteves, em Coimbra, após uma reunião do Conselho Diretivo.

Ribau Esteves, que é também presidente da Câmara de Aveiro, defendeu que o Orçamento do Estado (OE) para 2023 deve “assegurar os recursos financeiros necessários” à concretização daquelas medidas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.