A inflação média de doze meses sem habitação, que serve de base ao cálculo das pensões, situou-se em novembro nos 0,5%, segundo o INE.

Este valor servirá de base para no próximo ano serem calculadas as pensões de valor igual ou inferior a duas vezes o Indexante de Apoios Sociais (em vez de 1,5 IAS), de acordo com uma alteração aprovada este ano na lei do Orçamento do Estado.

À luz das novas regras aprovadas pelo executivo, o valor do IAS – que esteve congelado sete anos - deverá também ser atualizado 0,5% (também em linha com a inflação média de 12 meses sem habitação hoje divulgada), pelo que a atualização abrangerá todas as pensões até aos 842,6 euros.

Esta medida acresce à “atualização extraordinária” de dez euros decidida pelo Governo a partir de agosto no próximo ano para todas as pensões até 631,47 euros (1,5 vezes o valor do IAS).

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.