Os minhotos chegaram ao intervalo a vencer por 1-0, depois do tento de Pedro Santos, logo aos 10 minutos, tendo Hassan (50), Rui Fonte (84) e Wilson Eduardo (90+1), este na conversão de uma grande penalidade, anotado os restantes golos da sua equipa.

O Braga cedo mostrou querer assumir o controlo da partida e foi o guarda-redes Taha a primeira figura do jogo, começando por negar o golo numa investida pela esquerda de Ringstad (03), que hoje se estreou na equipa.

O Leixões começou encolhido e o Sporting de Braga aproveitou para se colocar em vantagem, numa boa finalização de Pedro Santos (10), que, após receber de pé esquerdo, fintou Gonçalo Graça e atirou com o outro pé ao poste mais distante.

O minuto 43 acabou por exemplificar a toada da primeira parte. Primeiro com Taha a negar o segundo golo - num desvio para canto - a Pedro Santos e, na sequência, com o cabeceamento de Arghus a sair junto ao travessão.

No reatamento, o Leixões manteve as dificuldades em chegar à baliza contrária, aproveitando o Braga para ampliar através de Hassan, Hassan, que tirou partido de um escorregão na área de Pedro Pinto (50) para ampliar o marcador.

As dificuldades do Leixões agravaram-se pouco depois com o cartão vermelho direto exibido a Niang.

Com o jogo sob controlo, os minhotos fecharam o marcador já na reta final do encontro, primeiro por Rui Fonte (84) e depois por Wilson Eduardo (90+1), na conversão de uma grande penalidade.

Jogo no Estádio do Mar, em Matosinhos.

Leixões - Braga, 0-4.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Pedro Santos, 10 minutos

0-2, Hassan, 50.

0-3, Rui Fonte, 84.

0-4, Wilson Eduardo, 90+1 (grande penalidade).

Equipas:

- Leixões: Taha, Gonçalo Graça (Pedras, 57), Pan Ximing, Pedro Pinto (Diogo Nunes, 54), Max, Rui Cardoso (Ricardo Barros, 72), Malafaia, Cadinha, Guo Yi, Rateira e Niang.

(Suplentes: Nuno Pereira, Pedras, Diogo Nunes, João Pedro, Bruno Lamas, Caio e Ricardo Barros).

Treinador: Pedro Miguel.

- Sporting de Braga: Matheus, Marcelo Goiano (Baiano, 46), André Pinto, Arghus, Ringstad (Simão, 68), Luiz Carlos, Mauro, Wilson Eduardo, Pedro Santos (Rafa Silva, 57), Rui Fonte e Hassan.

(Suplentes: Kritciuk, Alef, Baiano, Rafa Silva, Stojilkovic, Ricardo Ferreira e Simão).

Treinador: Paulo Fonseca.

Árbitro: João Pinheiro (Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Max (12), Ringstad (63), Arghus (66), Cadinha (80) e Pan Ximing (90). Cartão vermelho direto para Niang (58).

Assistência: cerca de 1.100 espetadores.

JYFO // VR

Lusa/Fim

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.