Os nomeados estão distribuídos por 22 categorias, às quais acresce o Prémio Excelência. Em algumas categorias os vencedores são escolhidos por um júri e, noutras, caso das de Melhor Atuação Internacional e Melhor Atuação Portugal/Espanha, pelo público.

A lista de prémios inclui Melhor Grande Festival, Melhor Festival de Médio Formato, Melhor Festival de Pequeno Formato, Melhor Novo Festival, Melhor Cartaz, Contribuição para a Sustentabilidade ou Melhor Uso da Tecnologia.

Este ano foi incluída uma nova categoria, Melhor Festividade, na qual estão nomeados, entre outros, a Expofacic (Cantanhede), a Fatacil (Lagoa), a Feira de São Mateus (Viseu) e as Festas de Carnide (Lisboa).

Entre as dezenas de festivais portugueses nomeados, alguns em mais do que uma categoria, estão: Bons Sons (Tomar), Festival F (Faro), Mimo Festival (Amarante), Musa Cascais, Lisboa Dance Festival, Neopop (Viana do Castelo), Monte Verde Festival (Ilha de São Miguel, Açores), O Sol da Caparica (Almada), L Burro e L Gueiteiro (Miranda do Douro), Party Sleep Repeat (São João da Madeira), Artes à Vila (Batalha), AgitÁgueda (Águeda), 20.21 - Évora Música Contemporânea (Évora) ou Rodellus (Ruílhe, Braga).

Promovidos pela Associação Portuguesa de Festivais de Música, os Iberian Festival Awards visam distinguir os melhores festivais que se realizam em Portugal e Espanha.

A cerimónia de entrega dos premiados da 3.ª edição, em março de 2018, decorreu em Lisboa, no âmbito do Talkfest – Internacional Music Festivals Forum.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.