Vários casais no Japão, que recentemente tiveram filhos, decidiram enviar sacos de arroz personalizados, com o peso dos recém-nascidos e o rosto dos mesmos impresso, para os familiares e amigos próximos impedidos de ver a criança por causa das restrições e cuidados impostos pela pandemia provocada pelo novo coronavirus.

Os pacotes vêm em vários formatos, sendo um deles o de um bebé enrolado numa manta para que as pessoas que o receberem possam sentir que o estão a segurar ao colo.

Naruo Ono, dono da loja de arroz Kome no Zoto Yoshimiya, foi o impulsionador desta ideia que lhe terá surgido quando, há 14 anos, o seu filho nasceu e pensou em formas de fazer chegar uma lembrança até aos familiares que viviam mais longe.

Com o primeiro pacote de arroz exposto na loja, a curiosidade dos clientes foi sendo aguçada e as encomendas começaram a chegar de todo o país. O negócio cresceu de tal maneira que se expandiu para presentes de casamentos com vários noivos e noivas a darem pacotes de arroz com os seus rostos em bebé aos respetivos pais, num gesto de carinho por os terem trazido até aqui.

O peso é o que faz variar o preço deste presente original. Segundo o The Guardian, um pacote de três quilos e meio pode custar cerca de 27 euros.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.