A digressão “Moura”, “na estrada há mais de um ano e que só em 2017 contou com mais de 80 concertos”, inclui espetáculos em Vienna, no estado norte-americano da Virgínia (a 04 de abril), em Nova Iorque (05), em Boston (06), em New Bedford (07), em Minneapolis (09), em Chicago (10) e em São Francisco (de 12 a 15), de acordo com o agenciamento da artista num comunicado hoje divulgado.

Até lá, a fadista tem espetáculos agendados em França (Paris no sábado), Luxemburgo (Mondoof-les-Bains no domingo), em Espanha (Ferrol a 10 de março, Pontevedra a 11 e Madrid a 15) e em Portugal (na Figueira da Foz a 31 de março).

De acordo com o agenciamento da fadista, a digressão deste ano inclui ainda espetáculos na Suécia, na Polónia, no Brasil, em Israel, na Suíça e na Austrália.

Ana Moura editou o primeiro álbum em 2003,”Guarda-me a vida na mão”, ao qual se seguiram outros como “Aconteceu” (2004), “Para além da saudade” (2007), “Leva-me aos fados” (2009) e “Desfado” (2012), “o disco português mais vendido da década e que se mantém na tabela dos discos mais vendidos em Portugal desde o seu lançamento”.

“Moura”, editado no final de 2015, “é tripla platina”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.