O livro em questão é a edição em holandês da nova obra do polémico autor Omid Scobie, Endgame (ou Eindstrijd na versão holandesa), um jornalista especializado em realeza, autor de obras particularmente favoráveis à narrativa dos acontecimentos mais polémicos da família de Harry e Meghan.

O livro começou a ser vendido no Reino Unido esta terça-feira, bem como em outros lugares do mundo, como os Países Baixos. No caso desta versão traduzida em holandês, o livro teve de ser retirado das bancas por um suposto "erro na tradução", avança a Sky News. O erro em questão detalhava o nome da pessoa que terá feito comentários sobre a cor de pele do filho mais velho do casal.

Segundo o meio holandês Dutch News, na página 128 do livro, quando este fala sobre qual membro da família real que comentou o quão escura seria a pele do primeiro filho de Harry e Meghan, numa altura da obra em que são citadas cartas privadas de Meghan a Carlos III sobre este tema, é dito: “Nessas cartas privadas uma identidade foi revelada e confirmada – Charles” (Carlos III, em português).

Até ao momento, a imprensa internacional detalha que ainda não é claro como o nome foi incluído, mas poderá estar relacionado com o facto do tradutor ter recebido uma versão não corrigida do texto, com um erro que não consta da versão em inglês.

Na versão britânica de Endgame, Scobie escreveu que na sua carta ao rei, Meghan revelou “duas identidades” dos “envolvidos na troca de comentários”, mas nunca revelou os nomes, isto porque de acordo com o autor: “As leis do Reino Unido me impedem de relatar quem são estas pessoas".

O erro está “atualmente a ser corrigido”, afirma a editora, Xander, no seu site, sendo que suspenderam “temporariamente” as vendas da obra devido a um "erro".

Em declarações ao programa de notícias de entretenimento RTL Boulevard, o autor do livro sublinhou que não citou nomes. “O livro foi traduzido para vários idiomas e infelizmente não falo holandês”. “Eu escrevi e editei a versão em inglês e nunca houve uma versão que falasse em nomes”.

Recorda-se que na altura da entrevista Meghan sublinhou que um membro da família real fez um comentário sobre a cor da pele da criança antes de esta nascer, mas nunca disse quem era esta pessoa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.