A pesquisa dá conta de sentimentos mistos relativamente à realização dos primeiros Jogos Olímpicos na América do Sul.

Segundo esta, 62% dos entrevistados disseram que os jogos foram negativos para o país, mas 57% acreditam que se promoveu uma imagem positiva do Brasil perante a comunidade internacional.

Sobre a forma com que os Jogos se desenvolveram, 42% consideram boa ou excelente, 30% disseram que mais ou menos, e 24% acharam que foi mau.

A pesquisa foi feita entre 11 e 15 de agosto quando as Olimpíadas, que terminam este domingo, se encontravam a meio. Para este estudo foram feitas 2.002 entrevistas com pessoas com mais de 16 anos.

Marcia Cavallari, diretora do Ibope, considera que os resultados ambíguos são explicados em parte porque os Jogos no Brasil acontecem num momento em que o país passa pela pior recessão das últimas décadas.

“[As pessoas] não veem claramente os benefícios que o país pode ter com eventos desta magnitude", disse Cavallari. "Há dúvidas sobre o uso de dinheiro público em eventos desta natureza quando há outras prioridades, especialmente considerando a crise económica", concluiu.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.