Portugal coordena projetos do programa LIFE, no valor de 6,4 milhões, sendo a rubrica ‘Natureza e Biodiversidade’ a que recebe a maior fatia do financiamento (3,9 mil milhões de euros), para iniciativas sobre proteção das plantas endémicas dos Açores do risco de extinção (LIFE Vidalia) e a proteção dos lobos (LIFE WolFlux).

Uma verba de 1,1 milhões de euros foi atribuída ao projeto de redução da pegada ambiental dos artigos de calçado (LIFE GreenShoes4All), na rubrica “Ambiente e eficiência na utilização dos recursos”.

A iniciativa para incentivar a poupança de água em Évora (LIFE Água de Prata – batizado com o nome do aqueduto romano que abastecia a cidade) vai ser financiada num montante de 1,4 milhões de euros.

Do total de 243 milhões de euros, uma verba de 196,2 milhões destina-se a projetos no domínio do ambiente e da eficiência dos recursos, da natureza e da biodiversidade, bem como da governação e da informação em matéria de ambiente.

A este montante somam-se, no domínio da ação climática, 46,8 milhões de euros que a UE investirá para apoiar a atenuação das alterações climáticas, a adaptação, a governação e projetos de informação.

Desde a sua criação, em 1992, o programa já cofinanciou mais de 4.600 projetos em toda a UE e em países terceiros, mobilizando perto de 10 mil milhões de euros e disponibilizando mais de 4,2 mil milhões de euros para a proteção do ambiente e o clima.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.