Existem cães azuis no bairro de Taloja, em Bombaim. O fenómeno foi provocado pelas descargas de resíduos industriais não tratados e de corantes num rio local, por parte de uma fábrica já encerrada pelas autoridades.

Desde 11 de agosto, pouco mais de uma dezena de cães começaram a ser notados pela sua estranha cor, o que levou os moradores a apresentar queixa ao Conselho de Poluição de Maharashtra, devido às substâncias deitadas ao rio Kasadi, onde os animais muitas vezes nadam.

As imagens dos animais começaram a circular nas redes sociais.

Atualmente, a situação já foi parcialmente resolvida, segundo informação da página de Facebook do Centro de Proteção Animal de Bombaim. A água das chuvas acabou por 'lavar' os animais, que foram recolhidos pela associação para serem tratados. Contudo, outros animais poderão ter sido afetados, devido ao contacto com as águas contaminadas, bem como a população.

É também informado que o contacto com a água pode conduzir a casos de cancro, danos no fígado e nos rins e provocar cegueira. Contudo, uma agência de bem-estar animal recolheu um dos cães e, depois de uma análise, concluiu que além do pêlo azul não havia qualquer outro dano no animal.

Arati Chauhan, diretora da associação, afirmou, citada pelo The Guardian, que "foi chocante ver como o pêlo dos cães se começou a tornar completamente azul". Este facto serve, também, como forma de criar o alerta para os níveis de poluição na Índia.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.