Encurralado por graves denúncias de corrupção, Temer recusa-se a renunciar, mas o seu mandato está por um fio diante da pressão popular e do risco de perder o apoio da sua base aliada.

"Se empurrar, o Temer cai", gritavam os manifestantes.

Entre os cantores presentes estavam Caetano Veloso e Milton Nascimento.

Os concertos também juntaram diferentes géneros, como o samba de Teresa Cristina e Mart'nália, e o rap de Mano Brown e Criolo.

A manifestação foi convocada por movimentos de esquerda que recuperaram o lema "Diretas Já", utilizado no início dos anos 1980 pelo movimento democrático que reivindicava o fim da ditadura militar e a volta das eleições diretas para presidente.

De acordo com a Constituição, se Temer for destituído ou renunciar, o Congresso ficará encarregado de nomear o seu sucessor nos 30 dias seguintes.

Mas muitos brasileiros rejeitam este procedimento devido ao total desprestígio do Congresso, cuja maioria dos membros é investigada por corrupção.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.