A primeira violação ocorreu depois das 09:00 (01:00 em Lisboa) e durou três minutos. Pouco depois, o avião russo entrou novamente no espaço aéreo sul-coreano por mais quatro minutos.

Em resposta, a Força Aérea sul-coreana disparou tiros de aviso.

De acordo com a agência France-Presse (AFP), que cita fonte governamental, é a primeira vez que um avião russo viola o espaço aéreo sul-coreano.

O incidente ocorreu perto das Ilhas Dokdo, reivindicadas como Takeshima por Tóquio, que acusa a Coreia do Sul de ocupá-las ilegalmente.

Moscovo ainda não reagiu.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.