Num requerimento que deu hoje entrada no parlamento, cujo primeiro subscritor é o líder do PSD e deputado Rui Rio, pede-se que sejam disponibilizados diariamente o número de doses da vacina administradas e de cidadãos vacinados por escalão etário.

O PSD quer ainda que seja divulgado diariamente o número de pessoas que estão imunizadas por escalão etário e por grupo prioritário, lamentando que a Plataforma de Monitorização da Vacinação contra a covid-19 não inclua dados que permitam uma “análise mais fina”.

“Mantém-se, até hoje, inalterada a plataforma, que constitui uma ferramenta estanque que atualiza semanalmente um número genérico de vacinas administradas, não permitindo qualquer análise mais fina nem cumprindo princípios de transparência”, critica o PSD.

A bancada social-democrata defende que “os cidadãos têm o cabal direito a toda a informação sobre o processo de vacinação em curso, na obrigatoriedade devida da transparência do exercício da decisão política, sempre valiosa” mas especialmente no atual contexto pandémico.

O número de pessoas vacinadas por grupos de risco, postos de vacinação ativos, o número de vacinas distribuídas por fornecedor, entre outros elementos, são os dados requeridos pela bancada social-democrata, que recorda projetos de resolução aprovados o ano passado recomendando ao Governo a disponibilização de mais informação sobre a pandemia em Portugal.

O PSD exige ainda ao Ministério da Saúde que, “de forma atualizada e diária” publique no “site” da DGS na Internet dados detalhados sobre a situação epidemiológica, como a caracterização de novos casos, os óbitos discriminados por idade, sexo e referência a eventuais comorbilidades, distribuição por região de saúde e área de residência.

O número de doentes covid-19 internados em hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS), incluindo em serviços de cuidados intensivos, identificando os hospitais onde os doentes estão internados, e a evolução da capacidade de internamento e disponibilidade efetiva de camas nos hospitais do SNS, são outros elementos requeridos.

Além de Rui Rio, assinam o requerimento o líder parlamentar, Adão Silva, e os deputados Ricardo Baptista Leite, António Maló de Abreu, Clara Marques Mendes, Rui Cristina e Sandra Pereira.

Em Portugal, já morreram mais de 11 mil doentes com covid-19 e foram contabilizados até agora mais de 685 mil casos de infeção com o novo coronavírus, de acordo com a DGS.

Segundo o boletim divulgado na quinta-feira, registou-se um novo máximo de 303 mortes em 24 horas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.