O autarca explicou que "o colapso" de um troço da estrada, na segunda-feira, provocou "a quebra da conduta de abastecimento de água" à vila, proveniente de um furo situado a cerca de 20 metros do local da derrocada.

"Trata-se do furo principal que serve de abastecimento a Vila Viçosa", indicou o autarca, referindo que a situação "reduziu, significativamente, a capacidade de abastecimento" à vila.

Segundo o autarca, "as zonas altas de Vila Viçosa são as mais afetadas", devido "à falta de pressão no depósito".

"Hoje é que se começou a notar que o depósito de água está a baixar", acrescentou.

Luís Nascimento adiantou que o município adquiriu hoje os materiais necessários para "resolver a situação", começando na quinta-feira a "operação complexa" destes trabalhos, tendo em conta "as condições existentes", devido à derrocada do troço de estrada.

O município de Vila Viçosa divulgou hoje um comunicado em que apela à população que "restrinja o consumo de água ao estritamente essencial, por forma a não se registarem maiores quebras no abastecimento".

"A reparação da conduta será efetuada pelos serviços camarários, em condições extremamente complexas e particulares, no mais curto espaço de tempo, a fim de restabelecer e normalizar o abastecimento de água à população", adianta o comunicado.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.