De acordo com a fonte do Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis), o alerta de que uma pessoa estava caída no chão com ferimentos foi dado através de uma chamada para o 112, às 06:25.

“Ao chegar ao local, a viatura médica de emergência e reanimação do INEM [Instituto Nacional de Emergência Médica] deu conta de que o homem, de cerca de 50 anos, apresentava duas perfurações no tórax, supostamente provocadas por arma branca, e encontrava-se em paragem respiratória”, disse.

Apesar das manobras de reanimação, o médico da viatura médica acabou por declarar o óbito, pelas 07:20.

A Polícia Judiciária encontra-se a investigar, de acordo com o Cometlis.

Segundo a edição ‘online’ do Correio da Manhã, “o homem era sem-abrigo e estava a pernoitar junto a um escritório pela primeira vez”.

“Por esse motivo, terá havido desavenças com outro sem-abrigo”, indica o jornal.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.