Cerca de 70 mineiros ficaram presos numa mina de carvão no norte do Irão, após uma explosão, diz a AFP.  Segundo os meios de comunicação estatais, alguns podem ter morrido mas ainda não há números precisos, diz a Reuters.

A explosão ocorreu quando os mineiros tentavam ligar o motor de uma máquina de trabalho, durante a mudança de turno dos trabalhadores. Os relatórios afirmam que mais de uma dúzia de feridos foram transferidos da mina de carvão de Zemestanyurt, onde trabalham cerca de 500 pessoas, na província de Golestan, para o hospital.

O presidente Hassan Rohani enviou ao local o ministro do Trabalho, Ali Rabiie, para acompanhar a situação.

Já se iniciou a operação de resgate dos mineiros que ficaram presos. As equipas tentaram escavar um túnel para chegar aos mineiros, mas a concentração de gás dificulta os trabalhos.

[Notícia atualizada às 17h16]

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.