Segundo o comandante dos Bombeiros de Arcos de Valdevez, Filipe Guimarães, o alerta de que uma pessoa de 60 anos se tinha sentido mal durante o percurso foi dado perto das 13 horas de hoje, sendo o local de difícil acesso para o socorro com viatura.

“É uma zona de muito difícil acesso”, explicou, adiantando que as viaturas só podem ir até um determinado local e que o percurso seguinte terá de ser feito a pé numa distância que demora duas horas.

Para o local acorreram operacionais dos Bombeiros de Ponte da Barca e dos Bombeiros de Arcos de Valdevez com uma viatura e uma ambulância.

O local, adiantou, é uma zona de alta montanha, escarpada e de difícil acesso não existindo condições para retirar a pessoa de maca.

“Estas são operações muito demoradas devido às dificuldades de acesso”, frisou.

A zona de Arcos de Valdevez tem mais de 300 km de trilhos e ecovia.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.