Em comunicado, este ministério avança que este aumento consolida um crescimento desde 2019, ano em que o número de efetivos foi de 26.569 (26.734 e 2020).

As candidaturas em regime de voluntariado e regime de contrato foram, em 2021 de 10.492, sendo que já em 2020 estavam já acima das 10 mil, o que desde 2016 não acontecia.

Para o quadro permanente, prossegue a informação da Defesa, registaram-se, no ano passado, 3.540 candidaturas, um número ligeiramente superior a 2020, ano em que já se tinha verificado um aumento superior a 25%, face a 2019.

Para o Ministério da Defesa, o aumento das candidaturas traduz “os resultados do esforço dos ramos das Forças Armadas e dos serviços do Ministério da Defesa Nacional, em termos da melhoria dos seus processos de comunicação e divulgação, mais intensos e assentes em instrumentos digitais, com o objetivo de aproximar a Defesa Nacional dos jovens”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.