O governador Terry McAuliffe indicou, através da sua conta na rede social Twitter, este sábado de manhã, que tomou a decisão para “ajudar o Estado a responder à violência” na marcha de Charlottesville, a cerca de 160 quilómetros de Washington.

Este é o protesto mais recente na cidade desde que, no início do ano, foi aprovada a remoção da estátua do general Robert E. Lee num parque no centro da cidade.

Terry McAuliffe também declarou o estado de emergência local e a polícia deu ordem às pessoas para que dispersassem da área circundante depois dos confrontos violentos que eclodiram naquela zona.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.