"Hoje as forças militares ucranianas desmantelaram uma das bases militares russas" na cidade, disse Ivan Fedorov num vídeo publicado na rede social Telegram.

O responsável adiantou que "às 03:00 e às 05:00, 30 ataques atingiram exclusivamente a base militar", acrescentou, especificando que "a cidade de Melitopol está coberta de fumo" e tal facto “dura há várias horas porque um depósito de combustível que estava na base se incendiou".

Um porta-voz do Estado-maior ucraniano anunciou hoje que a força aérea ucraniana realizou cerca de quinze missões, em particular na região de Zaporijia, à qual pertence Melitopol, e que "cerca de vinte unidades de equipamento inimigas e dois depósitos de munição" foram destruídas.

Evgueni Balitski, chefe da administração pro-Rússia na região, indicou na Telegram que casas próximas da base ficaram danificadas e que "projéteis caíram no território do aeródromo", garantindo que "não há feridos".

A comunicação social ucraniana publicou diversos vídeos nas redes sociais, mostrando uma longa coluna de fumo no ar perto de Melitopol.

Melitopol foi conquistada pelas forças russas nos primeiros dias da invasão da Ucrânia pela Rússia e uma administração pró-Moscovo foi rapidamente aí instalada.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.