O Banco Europeu para a Reconstrução e o Desenvolvimento, o principal patrocinador do projeto, deverá concluir a instalação no próximo dia 29, representando um custo total de 1,5 mil milhões de euros.

Pelo menos 30 pessoas morreram no local do acidente, na Ucrânia, à data uma república soviética, mas o maior acidente causado pelo Homem causou a morte a milhares de pessoas devido à radiação, que atingiu vastas áreas da zona ocidental da antiga União Soviética.

O reator número 04 explodiu no dia 26 de abril de 1986, durante uma verificação de segurança que correu muito mal, e o acidente foi ocultado pelas autoridades do Kremlin durante semanas.

“O início da colocação do arco sobre o reator 04 na central nuclear de Chernobyl é o princípio do fim de uma luta de 30 anos com as consequências do desastre de 1986″, disse o ministro do Ambiente ucraniano, Ostap Semerak.

O reator está atualmente protegido por um sarcófago de cimento que foi construído por trabalhadores de socorro russos e que está em perigo de permitir fugas de desperdícios tóxicos.

Segundo o banco, o arco é “um dos projetos mais ambiciosos da história da engenharia”,

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.