Segundo a agência noticiosa EFE, Mourinho esteve hoje num tribunal de Madrid para formalizar o acordo com as autoridades fiscais e judiciais espanholas, que o acusaram de ocultar receitas de 3,3 milhões de euros em 2011 e 2012, relativas a direitos de imagem, quando era treinador do Real Madrid.

Além da multa de mais de dois milhões de euros e dos 182.500 euros, nos quais foi convertido o ano de prisão com pena suspensa, Mourinho, atualmente sem clube, vai pagar a verba que terá ocultado.

Segundo o acordo, que tem ainda de ser ratificado por um juiz, José Mourinho já pagou em julho 462.000 euros, pelo que a verba em dívida é de 2,84 milhões.

José Mourinho é uma das várias figuras do futebol mundo a enfrentar problemas com as autoridades fiscais espanholas, que recentemente chegaram a acordo com o futebolista Cristiano Ronaldo para o pagamento de uma multa de 18,8 milhões de euros.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.