O quinto triunfo de Kittel esteve em risco, por culpa do polaco Maciej Bodnar (Bora-hansgrohe), que completou os 203,5 quilómetros entre Eymet e Pau em fuga, sendo apanhado apenas a cerca 300 metros da meta, mas o alemão acabou por impor-se, diante do holandês Dylan Groenewegen (LottoNL-Jumbo) e do norueguês Edvald Boasson Hagen (Dimension Data).

Chris Froome, que completou a etapa nas mesmas 04:34.27 horas, subiu ao pódio para envergar a camisola amarela pela 51.ª vez, um registo que lhe permite superar o francês Jacques Anquetil, cinco vezes vencedor do Tour.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.