Segundo a mesma fonte, os mortos são um homem, de 62 anos e residente em Macau, que “caiu de um prédio”, um outro homem, de 45 anos, turista da China, “atropelado por um camião”, e ainda um outro homem, de 30 anos, trabalhador não residente, que “estava na rua e que não resistiu ao vento forte e bateu contra uma parede”.

Na zona de Fai Chi Kei, no norte da cidade, duas pessoas estão dadas como desaparecidas.

Cerca das 14:30 locais (07:30 em Lisboa), os Serviços de Polícia Unitários ainda não tinham dados disponíveis em relação a feridos.

Até às 14:15 locais (07:15 em Lisboa) as autoridades tinham registado 154 ocorrências em Macau e nas ilhas, entre as quais desmoronamentos, quedas de árvores e inundações.

Os Serviços Meteorológicos e Geofísicos de Macau hastearam hoje às 11:30 (04:30 em Lisboa) o sinal 10 de tempestade tropical, devido à aproximação do tufão Hato, o que já não acontecia desde 1999.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.