Após discursar numa conferência sobre regionalização, promovida pelo grupo Global Media, no Cinema São Jorge, em Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa foi questionado sobre as viagens que iria realizar nesta semana ao Dubai, para visitar a Expo 2020, e entre 20 a 23 de janeiro a Moçambique e disse que ”foram adiadas, ambas”.

Interrogado sobre como será a sua agenda neste período de pré-campanha e durante a campanha oficial para as eleições legislativas antecipadas de 30 de janeiro, o chefe de Estado respondeu que tem estado ocupado sobretudo com audiências, e que assim irá continuar.

“Há uma série de entidades importantes, reguladores, que eu tenho recebido, como o presidente da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), periodicamente o senhor governador do Banco de Portugal. Portanto, aproveito estas semanas — também já só faltam 15 dias — precisamente para me informar, recolher elementos e responder a pedidos de audiência de várias entidades”, declarou.

Marcelo Rebelo de Sousa referiu que nos últimos dias recebeu também no Palácio de Belém as novas direções da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) e da Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL).

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.