“É do nosso interesse preservar a NATO, mais do que no tempo da Guerra Fria”, disse a chanceler alemã no Parlamento de Berlim.

Merkel prometeu que a Alemanha vai cumprir o objetivo da aliança que determinou que 2% do Produto Interno Bruto (PIB) do país deve ser destinado a despesas militares, até ao início da década de 2030.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.