Avança a BBC que o músico britânico terá morrido de ataque cardíaco.

Pete Shelley tinha 63 anos e vivia atualmente na Estónia.

A banda já reagiu à morte do seu carismático frontman, prometendo mais esclarecimentos em breve.

"É com grande tristeza que confirmamos a morte do Pete Shelley, um dos mais influentes e prolíficos compositores do Reino Unido e co-fundador da seminal banda punk Buzzcocks. A música do Pete inspirou gerações de músicos ao longo de uma carreira de cinco décadas. Com a sua banda ou a solo, foi sempre muito respeitado pela indústria da música e pelos fãs em todo o mundo".

Pete Shelley — no BI Peter Campbell McNeish — fundou os Buzzcocks em 1976 juntamente com Howard Devoto. A origem da banda é partilhada com outras da cena de Manchester: foi um concerto dos Sex Pistols que os juntou para fazer música.

Ao longo da sua carreira, lançaram nove álbuns de estúdio, o último dos quais, "The Way", foi editado em 2014. Canções como "Ever fallen in love (with someone you shouldn't've)" ou "Orgasm addict" marcaram a história do punk.

Em Portugal, os Buzzcocks atuaram uma única vez quando em 1994 abriram para os Nirvana no Dramático de Cascais. Recorde aqui o concerto:

* Na foto: Steve Diggle (Esq) e Pete Shelley (Dir) num concerto dos Buzzcocks no Coachella Valley Music & Arts Festival, em 2012

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.