Miguel Oliveira cortou a meta 18,284 segundos depois de Alex Rins, que se impôs no final das 23 voltas ao circuito, batendo os compatriotas Alex Márquez (Honda) e Joan Mir (Suzuki), segundo e terceiro classificados, respetivamente.

Com este resultado, Miguel Oliveira não somou pontos no Campeonato do Mundo – que passou a ser liderado por Joan Mir - e desceu para a 10.ª posição, com os mesmos 69 pontos que tinha à partida, quando faltam quatro corridas para o final da temporada.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.