“Dada a urgência da situação e a longa distância a que se encontrava o veleiro da ilha de São Miguel, foi decidido divergir para o local o navio mercante que se encontrava mais próximo do veleiro à deriva, tendo o resgate sido efetuado cerca das 08:48 horas locais [mais uma em Lisboa]” pelo navio “Zim Constanza”, de bandeira israelita, adiantou a Marinha, em comunicado.

Segundo o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC), o tripulante de nacionalidade norte-americana encontrava-se num veleiro à deriva a cerca de 300 milhas (555 quilómetros) a este da ilha de São Miguel.

“O velejador sexagenário salvo rumou a bordo do navio mercante que agora segue para o porto de Tarragona, em Espanha”, onde deverá chegar na segunda-feira, acrescentou a Marinha, informando, ainda, que “toda a operação de salvamento foi coordenada e conduzida à distância pelo MRCC”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.