“Proponho ao governo dos Estados Unidos e a todos os governos das Américas que nos reunamos num diálogo para estabelecer os passos da transição energética, os passos da construção de uma economia descarbonizada, os passos da construção de uma economia da vida em toda a América”, disse Petro, no domingo, no primeiro discurso depois de vencer a segunda volta das eleições.

O economista, de 62 anos, disse que a prioridade da política diplomática do governo será que a Colômbia esteja “na vanguarda mundial no combate às mudanças climáticas”.

“A ciência mostrou-nos que, como espécie humana, podemos desaparecer a curto prazo (…), a dinâmica de acumulação de um mercado desenfreada, instintos desenfreados de ganância, um processo de consumo desenfreado estão prestes a terminar com os próprios fundamentos da existência. Nem a esquerda nem a direita nos dizem, é a ciência que nos diz”, salientou.

Petro sublinhou que os Estados Unidos são o país que mais emite gases de efeito estufa, “absorvidos no sul”, na Amazónia.

“Se são emitidos lá e nós absorvemos aqui, por que não conversamos? Por que não estabelecemos outra forma de nos entendermos?”, questionou.

Também no domingo, o secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, felicitou os colombianos pelas eleições presidenciais “livres e justas”, sem comentar a proposta de Gustavo Petro.

“Estamos abertos a trabalhar com o Presidente eleito Petro para fortalecer ainda mais as relações entre os Estados Unidos e a Colômbia e levar as nossas nações a um futuro melhor”, disse Blinken, num comunicado do Departamento de Estado dos EUA.

O líder da diplomacia norte-americana disse que “a cooperação entre os Estados Unidos e a Colômbia melhorou a saúde pública, a capacidade subsistência, o Estado de Direito e a proteção ambiental nos nossos dois países e em toda a região”.

Gustavo Petro foi eleito, no domingo, o primeiro Presidente de esquerda na história da Colômbia, ao obter 11.281.013 votos (50,44%) na segunda volta das eleições, de acordo com resultados oficiais.

O adversário, o milionário Rodolfo Hernandez, obteve 10.580.412 votos (47,31%), uma diferença de quase 701 mil votos, indicam os resultados publicados pelo Registo Nacional, responsável pela organização da eleição.

Petro vai suceder ao Presidente da Colômbia, Iván Duque, a partir de 07 de agosto e governar até 2026.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.