"Em virtude do luto nacional decretado na sequência do falecimento de António Arnaut, o Governo dos Açores não terá eventos de caráter público neste dia", diz nota do executivo da região.

O Governo aprovou na segunda-feira um decreto que declara um dia de luto nacional, hoje, pela morte do fundador do PS António Arnaut.

Segundo uma nota à comunicação social, "o decreto foi aprovado fazendo uso da faculdade de deliberação eletrónica, prevista nos termos do Regimento do Conselho de Ministros".

O antigo ministro dos Assuntos Sociais António Arnaut, considerado o "pai" do Serviço Nacional de Saúde (SNS), fundador do PS, do qual era presidente honorário, morreu na segunda-feira, em Coimbra, aos 82 anos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.