“Diga sim a esta causa” é o mote do peditório, “uma das ações de angariação mais importantes para a Liga”, refere a organização.

Ao contribuir, “os portugueses estarão a dizer ‘sim’ ao rastreio, à prevenção, ao apoio ao doente oncológico e à investigação”, adianta a LPCC.

“Mais do que donativos, queremos apelar à solidariedade e à entreajuda”, diz o presidente da LPCC, Vítor Veloso.

Em declarações à agência Lusa, Vítor Veloso disse estar confiante na “grande generosidade dos portugueses”, esperando conseguir reunir um valor idêntico ao angariado no ano passado (1,5 milhões de euros).

O presidente da liga destacou também o trabalho realizado pelos milhares voluntários que “vão dar a cara neste peditório rua, cada vez mais difícil de fazer”, a divulgar o trabalho da instituição e a alertar para a importância de contribuir para esta causa.

“Felizmente verifico que a população os encara bem e é por isso que peço” que continue a tratá-los assim, porque “são pessoas que estão a tentar trabalhar para uma causa nobre, para ajudar os mais necessitados”, disse Vítor Veloso.

O oncologista salientou que “o país continua a estar nunca recessão económico-financeira muito grande e as situações de miséria são cada vez mais visíveis. É por isso que a liga cada vez recebe mais pedidos de apoio”, acrescentou.

Até terça-feira, os voluntários vão estar nas ruas do país, devidamente identificados com o colete da instituição e com os cofres lacrados com o símbolo da Liga a recolher os fundos.

A ação decorrerá em locais distintos como centros comerciais, igrejas, cemitérios, supermercados e principais ruas das cidades de todo o país.

Este ano, a LPCC promove também uma campanha, onde várias figuras públicas dão a conhecer o trabalho desenvolvido pela instituição ao longo do último ano e apelam ao contributo de todos para dar continuidade a diversos projetos.

A campanha, disponível na imprensa, ‘mupis’, online e na televisão, conta com a participação de Isabel Silva, João Baião, Júlia Pinheiro, Rita Pereira e Rui Vitória.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.