Em comunicado a PJ adianta que o detido, suspeito de tráfico de droga, transportava no interior do organismo uma “quantidade significativa de heroína, distribuída por várias dezenas de cápsulas cilíndricas”.

A heroína apreendida, caso chegasse aos circuitos ilícitos de distribuição, seria suficiente para a composição de pelo menos 16.800 doses individuais.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.