Num discurso de uma hora, que marcou o aniversário da independência da Índia do domínio britânico, Modi prometeu trazer transparência para encerrar décadas de corrupção e evasão fiscal.

"Podemos ter crescido em desespero, mas agora temos de avançar com confiança", disse Modi ao dirigir-se à nação do Forte Vermelho, uma imensa fortaleza do século XVII no coração de Nova Deli.

Modi saudou os esforços do seu Governo nos últimos meses, incluindo a decisão surpresa de retirar grandes notas de moeda e uma revisão de impostos sobre bens e serviços que, segundo o primeiro-ministro, trouxeram dinheiro não contabilizado para a economia.

O primeiro-ministro disse que a retirada de grandes notas de moeda transportou cerca de 47 mil milhões de dólares de dinheiro ilegal para o sistema bancário formal, embora a transição monetária tenha causado dificuldades para muitas pessoas.

Da mesma forma, referiu que a gigantesca tarefa de rever os impostos do país sobre bens e comércio não foi nada menos do que “um milagre tecnológico”.

O discurso anual do primeiro-ministro esboçou a agenda do seu Governo para enfrentar os muitos problemas do país de 1,3 mil milhões de pessoas.

Embora o seu Governo tenha desenvolvido uma linha dura na parte da Caxemira controlada pela Índia, Modi instou a uma abordagem mais conciliadora com as pessoas desta região, dizendo que em vez de recorrer a abusos ou balas, os esforços devem ser feitos para "abraçar" as pessoas e trazê-las para o seio da nação.

Referindo-se às ameaças externas ao país, Modi declarou que a Índia era capaz de se defender de todas elas. Sem nomear os seus vizinhos hostis, China e Paquistão, Modi disse que a segurança do país é uma prioridade para o seu Governo.

"A segurança interna é nossa prioridade. Seja no mar ou nas fronteiras, seja cibernética ou no espaço, a Índia é capaz de enfrentar todos os desafios de segurança", afirmou.

Modi também referiu as ameaças internas à unidade do país, condenando o uso da violência em nome da fé.

Uma grande parte do discurso de Modi tratou dos esforços do seu Governo para acabar com a corrupção e a letargia burocrática e a redução da burocracia.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.