O evento, que decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian, teve ainda como vencedores Filipe Teles, na categoria Iniciativa Jovem, João Crisóstomo na categoria Iniciativa Portugal no Mundo, António Maia na categoria Projeto de Investigação, Arlindo Consolado Marques no Projeto da Sociedade Civil, e Carla Castelo, na categoria Iniciativa Local.

Segundo a organização do Prémio Tágides 2023, a terceira edição do galardão, do total de 171 nomeações e candidaturas recebidas foram selecionados 45 nomes, tendo os trabalhos de cada nome selecionado sido analisados por um painel de jurados, composto por 42 elementos.

Esta iniciativa é promovida anualmente para “identificar, reconhecer, celebrar e premiar projetos, trabalhos e/ou iniciativas de pessoas que se destaquem na promoção de uma cultura de integridade e prevenção e luta contra a corrupção em Portugal, em várias áreas da sociedade”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.