"A Força Aérea informa que uma aeronave C-295M, destacada no Aeródromo de Manobra N.º 3, em Porto Santo, no Arquipélago da Madeira, após realizar uma missão de evacuação aeromédica para o Funchal, no regresso ao Aeroporto do Porto Santo teve problemas durante a aterragem e sofreu danos estruturais que provocaram a sua imobilização na pista", pode ler-se em comunicado enviado às redações.

A FAP refere ainda que "do incidente não resultaram danos pessoais" e que foi aberta "de imediato uma investigação ao sucedido".

A Lusa tentou, sem sucesso, obter mais informações sobre o incidente, nomeadamente o dia em que ocorreu e quantos tripulantes seguiam na aeronave.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.