“A minha convicção profunda é que no terreno da cooperação teremos mais vantagens se atuarmos em conjunto do que se cada um resolver os problemas por sua conta”, disse Angela Merkel, sublinhando que a Alemanha quer dialogar com o futuro Presidente norte-americano.

Em conferência de imprensa na localidade de Perl, no estado de Sarre, no encerramento do congresso da CDU (União Cristã Democrata), presidido pela chanceler, Angela Merkel recordou que, na crise financeira global, os chefes de Estado e de Governo dos 20 países mais industrializados e emergentes do mundo acordaram “solucionar em conjunto os problemas existentes”.

“A resposta para superar a crise financeira não foi uma resposta baseada no isolamento, mas sim outra baseada na cooperação, com um conjunto de normas comuns, em relação também aos mercados financeiros”, disse Angela Merkel.

Em relação a futuros encontros com Donald Trump, a chanceler alemã disse que é preciso esperar que tome posse, a 20 de janeiro, mas recordou a cimeira do G7 em maio, em Itália, e do G20 em julho, na Alemanha.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.