"Artem Ryabtchouk acaba de ser preso por policias na região de Dnipropetrovsk", no centro do país, escreveu o ministro Denys Monastyrsky na sua página do Facebook.

Um soldado ucraniano matou hoje cinco companheiros com a sua arma de serviço e feriu outros cinco numa fábrica na cidade de Dnipro, leste da Ucrânia, colocando-se em fuga.

Artemi Yúrevich, nascido em 2001, disparou a arma automática contra companheiros do destacamento da guarda por motivos ainda desconhecidos.

De acordo com o Ministério do Interior da Ucrânia, a situação ocorreu durante uma mudança de turno na fábrica "Yushmash", uma das maiores do país.

[Notícia atualizada às 08:51]

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.