A sondagem revela ainda que é na América Latina (77% de opinião positiva), na América do Norte (63%) e na União Europeia (62%) que esta imagem positiva mais se destaca. Portugal (94%) aparece como o país com a imagem mais favorável do Papa Francisco, seguido das Filipinas (93%), Argentina (89%), Itália (86%), Colômbia (84%), Líbano (80%), Espanha (80%), Peru (79%), Polónia (78%) e Equador (78%).

A nível global, 54% dos inquiridos têm uma boa opinião sobre o Papa contra 12% de opiniões desfavoráveis. A sondagem revela ainda que 34% dos inquiridos não se sentem em condições para fazer uma avaliação sobre o chefe da igreja católica.

“O Papa Francisco é um líder que transcende a sua própria religião. O nosso estudo mostra que uma ampla maioria de cidadãos de todo o mundo, de diferentes religiões e afiliações em várias zonas do globo, têm uma imagem favorável do Papa”, afirmou Jean-Marc Leger, responsável pela empresa que realizou a sondagem.

O estudo revela ainda que há 15 países com um desconhecimento do Papa acima dos 50% - como por exemplo o Azerbaijão, o Irão, a Mongólia, a Etiópia, o Japão e Marrocos. 

Apesar de 60 países terem uma imagem favorável do Papa, há quatro que têm uma opinião negativa sendo este grupo liderado pela Tunísia (com 25% de opinião desfavorável), Turquia (26%), Argélia (28%) e Azerbaijão (8%).

Também há importantes diferenças de atitudes em grupos com idades e níveis de educações diferentes. Assim, a imagem positiva do chefe da igreja católica aumenta em grupos com idade mais avançada (62% para pessoas acima de 55 anos contra 48% de pessoas abaixo dos 35 anos). O mesmo acontece com pessoas com formação superior (63%), em relação a pessoas com educação básica (42%). Pessoas sem escolaridade revelam ter algum desconhecimento sobre o Papa (46%).

No que diz respeito a filiações, são os católicos romanos aqueles que têm uma imagem mais positiva, com 85%, seguido pelos judeus, com 65%. Do lado oposto encontram-se os muçulmanos, com 28% de opinião positiva, e os budistas, com 33%. No entanto, os praticantes destas religiões têm altas percentagens de desconhecimento em relação ao chefe da igreja católica - 55% e 57%, respetivamente.

Papa ultrapassa líderes mundiais

De acordo com a sondagem, o Papa Francisco reúne mais opiniões positivas quando comparado com os líderes mundiais, destacando-se em primeiro lugar, com uma pontuação de +41 (o valor corresponde à diferença entre opiniões favoráveis e desfavoráveis). Em segundo lugar encontra-se Barack Obama com +30, seguido de Angela Merkel com +13, David Cameron com + 10 e François Hollande com +6. Com mais opiniões negativas do que positivas está Vladimir Putin, com uma pontuação de -10.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.