“Concordamos ter um grupo de trabalho conjunto para preparar o terreno para as nossas trocas comerciais pós-Brexit”, disse May à saída de um encontro com o Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, em Ancara.

Na véspera da chegada de May a Ancara, uma das suas porta-vozes indicou que o reforço da cooperação e o futuro das relações comerciais entre os dois países dominariam a visita.

Com o Brexit, o Reino Unido está desejoso de conseguir acordos reforçados com parceiros exteriores à UE.

Segundo o Ministério dos Negócios Estrangeiros turco, o comércio bilateral ascendeu a mais de 14,9 mil milhões de euros em 2015.

Erdogan disse que os dois lados têm como objetivo aumentar as trocas para os cerca de 20 mil milhões anuais.

A chefe do Governo britânico defendeu, por outro lado, que a Turquia tem de manter um estado de direito e respeitar os direitos humanos ao mesmo tempo que disse estar “orgulhosa” de ter ficado ao lado da Turquia durante o golpe de Estado falhado de 15 de julho.

“Agora, é importante que a Turquia sustente a sua democracia através da manutenção do Estado de Direito e do respeito das suas obrigações em matéria de direitos humanos, tal como o Governo se comprometeu”, referiu May.

As relações entre a Turquia e a União Europeia arrefeceram após a tentativa de golpe de Estado, com Ancara a considerar que Bruxelas não deu suficientes provas de solidariedade e a União a censurar as amplas purgas que se seguiram.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.