A Lusa ouviu esta manhã alguns utentes no Centro Coordenador de Transportes (CCT) de São João da Madeira, distrito de Aveiro, que se queixaram de falta de informação por parte da operadora quanto à entrada em vigor do passe único na Área Metropolitana do Porto (AMP).

Em comunicado, a Transdev diz que tem comunicado com os passageiros “através dos vários canais de informação ao público” de que dispõe.

“Esta é uma situação comum a todas as empresas do grupo e estamos a reunir todos os esforços para conseguir corresponder àquilo que é a expectativa dos nossos passageiros de beneficiar de uma redução do custo de transporte”, respondeu a empresa.

Na mesma nota, a transportadora refere a intenção de aplicar as novas tarifas a partir de 01 de maio, mas ressalva que “esta data terá, ainda assim, de ser acordada com as Autoridades de Transporte locais relativamente à forma e descontos a aplicar”.

“Neste mês de abril mantivemos os preços que se praticavam até aqui. No fim de abril contamos iniciar a venda dos passes para utilização a partir de 1 de maio já de acordo com o novo tarifário”, conclui a operadora.

Também em resposta à Lusa, a Câmara Municipal de São João da Madeira confirmou o dia 01 de maio para a “entrada em vigor do Passe Único Metropolitano (40 euros) e do passe municipal ou até três zonas (30 euros)” nas ligações operadas pela Transdev.

As ligações da Transdev que ligam o concelho ao Porto, a Arouca, a Ovar, a Oliveira de Azeméis e a Santa Maria da Feira terão passe único metropolitano no dia 01 de maio.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.