"Confirmo o furto no interior do Laboratório Regional de Saúde Pública", disse à agência Lusa o comissário Marco Lobato, referindo que foi furtado álcool e "nada mais".

O assalto, reportado inicialmente pelo jornal JM, terá ocorrido durante a madrugada, mas o alerta só foi dado hoje de manhã, quando os funcionários chegaram ao local, situado na Rua 31 de Janeiro, no centro do Funchal.

A PSP tomou conta da ocorrência e, para já, não dispõe de pistas sobre a autoria do furto.

"Não há suspeitos. Temos apenas o relato da situação", explicou Marco Lobato.

A procura por álcool etílico aumentou substancialmente na Região Autónoma da Madeira nas últimas semanas, motivada pela pandemia de covid-19.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou perto de 428 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 19.000.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, há 43 mortes, mais 10 do que na véspera (+30,3%), e 2.995 infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, que regista 633 novos casos em relação a terça-feira (+26,8%).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.