De acordo com fonte do Batalhão de Bombeiros Sapadores do Porto, os trabalhos de limpeza da via terminaram e a estrada pôde ser reaberta, estando o trânsito a circular "com normalidade".

A VCI esteve cortada nos dois sentidos cerca de 13 horas na zona do viaduto do Amial, tendo o trânsito sido desviado pelas laterais com entrada e saída pela zona da Arca D'Água.

Cerca das 16:00, em declarações aos jornalistas no local, o comandante do Batalhão de Bombeiros Sapadores do Porto, Carlos Marques, explicou que "a operação de limpeza do piso seria delicada e prolongada", depois de ter sido drenado o conteúdo da cisterna do camião, que tombou cerca das 05:30 e que para a operação de drenagem "esteve apoiado por almofadas pneumáticas".

O separador central foi reposto pela Infraestruturas de Portugal.

Em causa um camião cisterna que transportava gasolina e gasóleo e que se despistou de madrugada no sentido Arrábida-Freixo, junto à saída para o Amial.

O acidente não causou vítimas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.