Uma viatura blindada de rodas, pertencente ao Exército, despistou-se na quarta-feira, durante o reconhecimento de um percurso no âmbito do curso de condutor daquele tipo de viaturas.

O acidente ocorreu numa mata da localidade de Sanguinhedo e os três militares, instrutores do curso de condutores com idades compreendidas entre os 20 e os 30 anos, pertencem ao Regimento de Infantaria 13 (RI13) de Vila Real.

Fonte do Exército disse hoje à agência Lusa que um dos feridos já teve alta hospitalar, enquanto os restantes dois permanecem internados no Hospital de Santo António, no Porto.

Segundo a fonte, os dois militares encontram-se “conscientes e estáveis”.

O acidente ocorreu cerca das 10:30 de quarta-feira. O Exército referiu que acionou de imediato o INEM, tendo sido evacuados dois militares, por estrada, para o Hospital de Vila Real e um para o Hospital de Santo António no Porto, por helicóptero.

Posteriormente, um dos feridos que deu entrada em Vila Real foi também transportado para a unidade hospitalar do Porto.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.