A jogadora natural do Porto, 12.ª colocada do ‘ranking” WPT, e a jovem parceira, de 22 anos, bateram na final as espanholas Elisabet Amatriaín e Patrícia Llaguno em dois ‘sets’, por 6-4 e 6-3.

Depois de ultrapassarem na meia-final Alejandra Salazar e Ari Sánchez, a dupla número dois mundial, Ana Nogueira e Paula Josemaría (17.ª WPT), a jogar a terceira final da temporada, entraram muito concentradas e, impondo um ritmo elevado e um jogo consistente, não deram grandes hipóteses às adversárias.

As vencedoras converterem cinco ‘break points’, em sete oportunidades, e registarem 41 ‘winners’ e 24 erros não forçados, face às duas quebras de serviço de Amatriaín e Llaguno, que concretizaram 19 ‘winners’ e cometeram 13 erros não forçados.

A dupla luso-espanhola já tinha conquistado um triunfo, no Arroyo de la Encomienda Challenger, em novembro de 2018.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.